.

.

Seleccione Linguagem

Hexagrama 32. Heng / Duração

                                                      

                                 Não mude de direção.
                       Siga o fluxo dos acontecimentos como a corrente do rio.

Prossiga em frente, como antes, sem vacilar nem mudar de direção. Este hexagrama significa suportar e, ao mesmo tempo, não se alterar. Aqui está embutido o princípio do I Ching segundo o qual a vida é um "prosseguir". Ao prosseguirmos, mantemos uma atitude neutra, deixamos de olhar para trás, para os lados ou mais para adiante. Ficamos com a vista presa no que está diretamente à nossa frente, preocupados somente com que é correto e essencial.

Recebemos este hexagrama quando nos perguntamos qual a atitude mental correta. As condições mudaram e queremos saber se temos que ser mais francos ou retraídos. Devemos ser mais relaxados ou precavidos? O hexagrama nos aconselha a prosseguir, como se nada tivesse mudado.

Em geral, esperamos que a mudança seja para melhor e tememos que seja para pior. Se ficarmos envolvidos na espera e no temor, o ego acaba se insinuando, dizendo-nos para fazer algo, bloquear ou mexer no que está acontecendo. Interferir, porém, de nada adianta. Quanto mais tentarmos fazer isso, pior para nós. Se vimos uma situação melhorar, devemos considerar as melhoras como um dos muitos passos que devem ser dados na direção correta. Não podemos ficar esperançados ou entusiasmados. Se, ao contrário, a situação piora, devemos lembrar a nós mesmos que as regressões são inevitáveis.

A situação só se tornará irreversível se nos fixarmos nela como sendo algo ruim. Mas, se soubermos nos relacionar adequadamente com as mudanças, cada escorregão será menor do que o último e a direção geral será para uma melhora.

As melhoras, no entanto, não devem ativar nosso orgulho nem nos fazer esquecer a independência interior. O rumo certo é seguir em frente sem nós impressionarmos com as mudanças nem com os benefícios decorrentes delas. Não devemos mudar nosso modo de relacionamento por causa de alterações na nossa vida.

Texto elaborado por Wu Fang.
Ao equilíbrio!

13 comentários:

Anônimo disse...

Bom dia Carla, agradeço a existencia deste blog tão objetivo, onde colhemos as mensagens do IChing de uma forma tão consciente e clara. O IChing não é fácil de ser interpretado.Também o estudo há mais de 30 anos. Mas como todo ocidental, não consigo conviver com a dualidade típica dos orientais retratada no IChing.
Peço apenas que me oriente segundo a sua visão para esta questão: em termos de relacionamentos que findaram ou que foram interrompidos,onde as pessoas envolvidas ainda se gostam, o que significa o HEXAGRAMA 32 para a pergunta "voltaremos a ficar juntos?"Significa a continuidade do relacionamento após o vencimento dos obstáculos ou a continuidade da separação?Obrigada pela atenção da resposta.Bjinhos.Saádia.

Carla Filizzola disse...

Saudação Amiga,

Querida, o I Ching não é fácil de ser interpretado também pelos chineses. É preciso muito estudo, disciplina, e seguir o Tao do I Ching, e para isto, não importa a nacionalidade do intérprete.

Confúcio disse: "É preciso estar em contato com o Tao".

Para que eu possa interpretar corretamente a resposta do sábio, gostaria de saber se você obteve alguma linha em mutação na sua resposta com o Hexagrama 32.

Aguardo sua resposta. Sempre em contato com o Tao!

Namastê!

Carla Filizzola.

Anônimo disse...

Ola Carla, pesquisando sobre esse Hexagama vim parar aqui no seu blog que de muito me ajudou e tambem me deixou com a mesma duvida do comentario anterior: o que significa o HEXAGRAMA 32 para a pergunta "voltaremos a ficar juntos?"Significa a continuidade do relacionamento após o vencimento dos obstáculos ou a continuidade da separação?
No meu caso apenas obtive a linha 6na sexta posicao...Fico no aguardo da sua interpretacao na resposta ,bjs.

Carla Cristina Filizzola disse...

Saudações,

Quando estamos insatisfeitos, não conseguimos relacionar bem com a vida ou com as outras pessoas.

Em um relacionamento afetivo precisamos saber o que queremos deste relacionamento, então criamos um relacionamento baseado na verdade, fidelidade, confiança, mesmo que alguma outra oportunidade tente desviar nossa conduta, nos influenciando de forma a mudarmos de direção e objetivo, ficamos firme em nossa determinação, de mantermos um relacionamento fiel.

Se não agirmos assim, somos surpreendidos pela mudança e jogados em um estado de infelicidade porque não temos disciplina interior para construir nossa felicidade.

O I Ching aconselha você buscar uma boa dose de paciência com a outra pessoa e capacidade de perdoar, se quiser levar em frente seu relacionamento.

É preciso também procurar deixar as brigas de lado. Você precisa fortalecer sua decisão e buscar saber o que quer desse relacionamento, deixando a infantilidade de lado, podemos viver um relacionamento mais maduro, equilibrado.

Para consolidar a estabilidade afetiva, precisamos ter consciência de que a fidelidade deve ser mantida. A consciência disso o impedirá de colocar esta união em risco, sob pretexto de experimentar qualquer novidade que surja.
Portanto, fidelidade, harmonia, perdão são fundamentais para um relacionamento feliz.

O I Ching diz: "Bastar querer, e tudo voltará à normalidade." Para o sábio vocês nem estão separados, pois existe um elo mais forte do que a distância física que une vocês. Tanta afinidade só pode indicar que a reconciliação é possível quando sabemos perdoar.

Sempre em contato com o Tao.

Namastê!
Carla Cristina Filizzola.

Loiva disse...

Sua interpretação do 32 foi perfeita para a pergunta que fiz e obtive este hexagrama. Ocorre que sou servidora pública e estou sendo acusada de uma falta que não cometi. ao consultar obtive o 32 com mutação na segunda, quarta e sextalinha, resultando no 52. Ficaria muito contente em ouvir sua interpretaçãojá que é uma situação que muito me aflige, estar sendo injustiçada.

Loiva disse...

Carla, sua interpretação tem tudo a ver com a pergunta que fiz quando consultei e obtive o hexagrama 32 com as linhas 2, 4 e 6 móveis, resultando no hexagrama 38. Perguntei como agir neste momento pois sou servidora pública respondendo injustamente a um processo disciplinar. Se puder fazer um comentário sobre as linhas móveis e o resultado serei muito grata.

Carla Cristina Filizzola disse...

Saudações de paz, Loiva.

No seu caso, O I Ching explica que é uma situação que deve durar por algum tempo ainda. Trovão sobre o vento – O vento brando e o som do trovão parecem coisas instáveis, imateriais, mas a constância da sua interdependência e a certeza do seu retorno mostram que são influências duradouras. Da mesma forma, a pessoa grande é flexível às épocas de mudanças, mas conserva uma direção interior que não vacila com o momento. Há também a significação da resistência, como costuma ocorrer em resposta a perguntas de ordem interior.

Pode tratar-se então de um conselho ou encorajamento do sábio para você: Seja mais paciente nas dificuldades cotidianas. O lado repetitivo ou cíclico da configuração nem sempre tem o mesmo aspecto harmonioso que aparece na natureza. Aqui no seu caso, esse encadeamento social ou psicológico tende a alimentar a si mesma, substituindo pela simples – mas poderosa – força do hábito. Todo excesso de força ou de movimento é naturalmente contrário à Duração, por isso o sábio aconselha você meditar.

Não busque alegria e prazer que por natureza são momentos passageiros em nossas vidas. Busque e confie no poder da verdade que é algo duradouro. O sábio percebe você impaciente demais e aconselha meditação, quietude. Não podemos empurrar o rio para frente. No tempo certo, ele deságua no mar, sem que precisemos fazer força para isto acontecer. Tudo tem o momento certo.

No hexagrama (52) o sábio aconselha você disciplinar seus desejos de sucesso e lucro pessoal através da meditação, para alcançar um estado de espírito mais elevado. De início o sábio explica que esse estado, só pode ser alcançado com muito esforço da sua parte e se você estiver interessada neste processo de quietude. Aquiete suas emoções através da meditação para você pensar com clareza.

Quando você conseguir uma atitude tranquila em relação este problema que esta enfrentando, terá o domínio de si mesma para assuntos mais complicados que poderá enfrentar no futuro. Uma pessoa tranquila está apta, então, a dirigir todas as suas energias para atividades vitoriosas.

Sempre me contato com o Tao!

Carla Cristina Filizzola.

Carla Cristina Filizzola disse...

Saudações Loiva,

Em sua consulta ao I Ching, você recebeu como resposta o hexagrama (32) Nove na segunda posição, nove na quarta posição e seis na sexta posição. Pois bem, o hexagrama derivado é o (52) e não o hexagrama (38).

O correto é: Hexagrama (32) Nove na segunda posição, Nove na quarta posição e seis na sexta posição - transmutando para o Hexagrama (52) Ken/A Quietude, montanha.

Namastê!

Carla Cristina Filizzola.

Loiva disse...

Carla, muito obrigada pela sua interpretação. É muito difícil ficarmos tranquilos quando tudo que acreditamos se desmorona, mas penso que talvez seja este mesmo o aprendizado que devo ter com esta situação. Eu perguntei qual a atitude adequada para este momento e obtive esta resposta, por que preciso apreender a me deixar levar mais, sem contudo ser negligente, Ocorre que eu sempre em minha vida tenho estado nestes dois extremos: ou sou negligente com os sinais do tempo ou tento forçar. Vou tentar seguir o conselho do sábio e me harmonizar como TAO. Namastê.

Nathália Lima disse...

Olá, Carla.

Venho de um relacionamento que não se concretiza de fato. Às vezes pelas circunstâncias, outras pela comunicação ruim. Ou apenas porque não está no momento de se concretizar. No entanto, fico confusa em saber como devo lidar com o parceiro nos momentos de silêncio/evasão/distanciamento dele e perguntei como devo lidar com ele. Tirei o hexagrama 32, com linha móvel na segunda linha. "9 na segunda posição". Não entendo muito sobre o I Ching, mas gosto do seu blog. Obrigada.

Concursos e Meio Ambiente disse...

Querida Carla,

Namaste,

Obrigada por compartilhar seu conhecimento conosco.

Sou uma iniciante no I Ching. Solicito sua ajuda, se possivel, na compreensao do que me foi dito pelo Oraculo.

Passei por periodos de privacao, duvidas e isolamento no ultimo ano. Eu me sinto cansada, exausta.

Perguntei entao ao I Ching se conseguirei ficar mentalmente preparada, fortalecida para um periodo de estudos no estrangeiro, se "aguentarei a barra".

E necessario um intenso trabalho burocratico e intelectual ate o mes de agosto.

A resposta foi Hexagrama (1)
Linhas moveis na primeira, na quinta e na sexta posicao - transmutando para o Hexagrama (32).

A mensagem seria nao forcar a barra? Fazer o possivel com tranquilidade ate la?

\\_//

Nina disse...

Olá Carla, acompanho suas postagens há algum tempo e gostaria de agradece-la e parabenizá-la pelas interpretações iluminadas que compartilha conosco de forma tão generosa.
Hoje especialmente venho em busca de uma ajuda na interpretação do hexagrama 32, com seis na primeira e nove na quarta.
Trata-se de um relacionamento de muitos anos que passa por um periodo de separação. Recebi este hexagrama quando perguntei como deveria me posicionar diante de uma sinalização desse parceiro do qual estou separada. Será o tempo de voltar para essa direção em busca de nos acertarmos ou devo continuar meu caminho, separada?
Obrigada e um grande abraço.

Bruno Macedo disse...

Bom dia, Carla!
Gostaria de uma opinião sua, por gentileza.
Tive um sonho esta noite muito curioso e acordei tentando buscar seu significado. Por buscas no Google cheguei ao seu blog e sinto que você poderia enriquever minha busca por compreensão deste sonho. Trancreverei, com sua licença, o que me lembrar do onírico e me desculpo, desde já, pela delonga do comentário.
No sonho eu conversava com alguma outra pessoa sobre regras de soluções de problemas matemáticos (a sequência correta das etapas de um cálculo matemático) onde, por alguma razão, comentei, em concordância com a outra pessoa, que eu também conhecia e adotava a regra que conhecíamos pelo nome de "signo de heng" - chegamos a falar o nome juntos como algo muito óbvio, no qual deveríamos nos basear invariavelmente para solucionar aquelas questões. Digo que, a esta altura, já tínhamos falado outro nome que não me recordo mais, todavia 'Heng" foi o mais marcante. Recordo-me, também, de uma imagem curiosa onde, enquanto essa conversa acontecia, outras duas pessoas de pé giravam em torno de uma espécie de tigela de barro, mantendo seus corpos sempre de frente para o objeto central sobre o chão. Dentro desta tigela, ou prato fundo, havia quatro bolas também de barro que também se moviam, mas sem que ninguém as tocasse. Elas giravam não no próprio eixo (rotação), mas como num movimento de translação, onde a primeira da fila, por vezes, se tornava a última por 'andar' mais rápido. Depois reparei que elas tinham ideogramas desenhados em cada uma. Pareciam ser pintados a mão. Uma cena bem artesanal, mas minimamente curiosa, porque não trabalho com matemática de forma assim tão expressiva a ponto de conversar sobre isso com alguém e, tampouco, conheço o I Ching a não ser por nome. Antes que eu acordasse, as bolas de barro que giravam próximas a borda de dentro do prato pararam e se sedimentaram no fundo, criando uma sequência de quatro ideogramas que não sei nem por alto descrever.
Desculpe-me a enorme descrição de uma coisa tão pessoal e assim codificada, mas em meio a várias grafias possíveis para a palavra "Heng" que busquei na internet (rang, reng, aang, hang, heign e heng), esta foi a que mais me interessou, até porque quando falávamos no sonho "signo de heing" posso entender signo como código, símbolo. Como cheguei a seu blog por meio dessas pesquisas e vi suas respostas de uma forma tão atenciosa aos seus leitores, tomei a liberdade de lhe pedir opinião sobre tudo isso à luz do I Ching.
Mais uma vez muito obrigado pela disponibilidade e ajuda!
Namastê!

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog